terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Fatos, digamos, Diários.

   Eu a vi chorando mais de uma vez,
a cada momento de silêncio e de calmaria
lá estava a minha loira chorando...

  As coisas acontecem da forma menos esperada pela gente
normalmente existe aquela pessoa que recebe mais de nós do que merece
e acaba jogando fora grande parte de nossa dedicação,
dizem que é mais certo seguir a razão do que ir atrás do coração
mas acredito que isso seja muito mais que relativo
pois não tem como medir o quanto é feliz quem segue a razão e acerta
e o que segue o coração e consegue a meta.
Pessoas vem e vão, dias passam e algumas dores, das que podem ser a piores,
começam adormecer em nossos corações...
     Consideramos grandes amores aqueles que se foram sem que dissessem ao menos uma vez
um sincero e momentâneo "Eu te amo." Mas começo a achar que pensamos que é grande
pelo simples motivo de ter sido muito pequeno.
    Acho que ingrato não é o amor, mas sim nós que nos perdemos e nos ocupamos em amar quem não nos ama, e paramos de avaliar quem nos valoriza. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário