quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Sombras de quem já foi.

E tu estava presente no meu sonho hoje, fazia tempo que eu não sonhava com seu corpo que hoje deve estar podre enterrado em algum cemitério, já lhe disse em sonho mesmo que não te culpo de forma alguma por ter roubado ou botado um pouco de amor no coração do meu herói. E mais uma vez pude contemplar o seus olhos claros, e eu fico a pensar o que se passava na sua mente, até que ponto era a sua ilusão, será que seu desejo pela vida de outra era um desejo vagabundo de alguém sem escrúpulos ou era apenas o desejo profundo de uma menina que queria viver um conto de fada, apenas uma cópia do que lhes contavam quando era jovem... É inevitável achar que de todo errado você era inocente acredito que tinhas consciência que atuar no papel que você atuou é feio, muitas vezes imperdoável e ainda assim indecente mas o que será que se esconde atrás desses seus olhos desesperadamente claros? Qual a sua história garota? Me conte! Eu não sou ninguém sem pecados para lhe jogar um grão de areia se quer... Haaa eu te odiei sim, e muito mas quando soube de sua morte algo mudou, detesto dizer que pessoas mortas tem os pecados perdoados mas entendo que esta é uma lei conformadora, que trás certa paz. Seus filhos eu nem sei onde estão, mas sei que passaram trabalho e sei que é difícil para eles mas para quem é fácil Tati? :/ Pobre moça, uma menina ao meu ver, uma menina mãe de um jovem e de uma menininha menor ainda o que será te levou a ver alegria no errado, errado o que eu considero mais será que para ti meu errado era certo? Descanse garota, durma bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário