quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Campanha: Faça sexo com quem você ama.

Eu posso dizer que não me importo com o que você pensa mas esqueço de esclarecer que eu não me importo até que você se importe comigo, que goste, sinta alguma atração por mim e depois disso garanto que vou muito me importar com o que você pensa.
Digamos que vivemos em uma sociedade que vem se desenvolvendo cada vez mais, que desenvolva o modo de pensar num geral tipo, estudar, trabalhar, se relacionar, entre outros fatos que envolvam esse "pensamento em evolução" mas como tudo tem seu lado ruim e nada, nada mesmo, se escapa do dito lado mau eu termino achando anormal certas atitudes que nós, não eu é claro, a sociedade moderna agimos diante de certo e determinado assuntos... SEXO por exemplo, notaram como hoje em dia os casais se separam facilmente? Como crianças já estão com outras crianças para cuidar? Tá, podem me achar uma velha radical e retrógrada mas eu não mudarei tão fácil *é sou uma velha...* Mas enfim fico triste em ver que aos poucos foram corroendo a magia disso tudo, acelerando etapas esquecendo até do respeito próprio, a transa em si pode até ser que seja um ato lindo de união entre homem e mulher e blá blá blá, porém aos poucos viramos objetos de nossos instintos *há! Eu não é claro* digamos que muitos ficam um pouco selvagem diante de tal desejo carnal... "A carne é fraca." Fraca e inexistente é a ideia do infeliz que criou essa maldita frase, sim eu já escutei ela, mas ainda sim acho que essa união, essa coisa toda não deve ser exigida e deve ser respeitada, vista com carinho também, poxa é pra ser algo divino e não algo comercial é pra ser algo desejado por duas pessoas que se gostem, que se respeitem e que consigam viver com os defeitos do outro, sem contar que as vezes um do relacionamento termina desejando mais que o outro mas deve existir o respeito e a paciência e isso não é pedir demais, isso é amar, ahh mas porque eu tô falando disso assim? É simples, pegue um menino (menino pois eu não ouvi falar até hoje que alguma menina apressou isso) maior de 13 anos e um pouco menor de 25, namore uns meses e depois escute pressões psicológicas que é claro NÃO SÃO PRESSÕES e curta o drama do infeliz. Não acho que isso seja o amor, em minha opinião essa união de corpos, digo, o sexo é apenas conseqüência desse sentimento, não deve ser planejado, não deve ser tratado como tema principal, não tem hora e nem dia marcado e é claro deveria ser feito somente entre pessoas que acima de se gostar se amem muito. Ridículo a minha forma de pensar? Eu não acho! Acredito que se certas coisas fossem mais analisadas antes de faladas e feitas existiria mais respeito, menos casais separados, diminuiria a gravidez precoce e mais motivos para se lutar nesse mundo.
Sim tenho fortes chances de benzer tormenta. ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário